Arrancou a montagem do Mercado provisório em Caminha

Instalação de espaço temporário servirá para albergar comerciantes e servir a população depois da demolição do Mercado Municipal prevista já para novembro
0
205

A Câmara Municipal de Caminha iniciou hoje os trabalhos preparatórios para a implantação do Mercado Municipal provisório que albergará os comerciantes que se encontram no atual mercado. A autarquia garantiu já financiamento e empreiteiro para o novo Mercado Municipal, obra que arrancará nas próximas semanas, mas, para que se possa intervir nele de forma segura, tornou-se imperioso encontrar soluções para albergar os atuais comerciantes num espaço digno no decorrer da referida obra. Assim, será criada uma área provisória onde os munícipes poderão realizar as compras que habitualmente faziam no Mercado.

A instalação dos módulos será concretizada na praça Pontault-Combault, em frente ao Mercado atual, entre o casario a nascente e o arruamento a poente, ocupando quer a via de circulação interior quer a zona de estacionamento existente entre as casas de banho públicas a norte e a rua Lino Felgueiras da Silva a sul.

Para dotar estes módulos com abastecimento de água e saneamento torna-se necessário proceder a trabalhos que levarão à suspensão temporária de trânsito exceto para moradores e cargas e descargas ao Mercado provisório na praça Pontault-Combault, entre o casario a nascente e o arruamento a poente (prolongamento da rua da Trincheira) e entre as casas de banho públicas a norte e a rua Lino Felgueiras da Silva a sul, entre o dia 15 de outubro do corrente ano até ao final da obra.

O novo espaço temporário de venda pretende ser um local apelativo, que promova a venda dos nossos produtos locais, albergando os comércios existentes. Com a instalação das infraestruturas necessárias ao funcionamento dos modernos contentores que estarão ao serviço dos comerciantes e população, estão criadas as condições para se promover a demolição do atual Mercado Municipal e a construção de um outro, renovado, que corresponde a uma ambição de décadas da vila e do concelho de Caminha. A obra do novo Mercado Municipal de Caminha corresponde a um investimento superior a 600 mil euros.