CÂMARA INVESTE CERCA DE 68 MIL EUROS EM PROJETOS EDUCATIVOS A CONCRETIZAR PELO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SIDÓNIO PAIS

0
39

Na próxima reunião de Câmara, o executivo vai aprovar o contrato de autonomia a celebrar entre o Município de Caminha e o Agrupamento de Escolas Sidónio Pais para o ano letivo 2019/2020 e atribuir subsídios à Junta de Freguesia de Âncora e à Sociedade Musical Banda Lanhelense. A sessão terá lugar no dia 3 de fevereiro, pelas 15H00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Promover o sucesso escolar e um ensino de qualidade é um dos objetivos estratégicos do Município de Caminha. Neste sentido, o executivo vai votar o contrato de autonomia a celebrar entre o Município de Caminha e o Agrupamento de Escolas Sidónio Pais para o ano letivo 2019/2020, no montante de 67.690,00€, cujo objetivo é dar “autonomia” ao Agrupamento de Escolas Sidónio pais, nomeadamente na concretização de projetos educativos, na aquisição de materiais didático-pedagógicos, na aquisição de material desportivo, entre outros apoios logísticos.

Em cima da mesa está também a atribuição de um subsídio, no montante de 13.500€, à Sociedade Musical Banda Lanhelense para apoio à Escola de Música João Costa e Silva que, neste momento, conta com cerca de 60 alunos e 12 formadores, distribuídos pelos vários instrumentos e pela formação. Recorda-se que a Sociedade Musical Banda Lanhelense tem quase 170 anos de existência e é uma das embaixadoras no âmbito musical e cultural do concelho de Caminha.     

O executivo vai deliberar a atribuição de subsídio à Junta de Freguesia de Âncora para apoio na requalificação da Rua do Calçadão, no montante de 30.000€.