Caminha abre as portas do Valadares, Teatro Municipal E recebe Miguel Araújo no Festival Regresso Ao Futuro

0
231

Caminha junta-se a mais 20 locais por todo o país, abrindo as portas do Valadares, Teatro Municipal ao Festival Regresso ao Futuro. Por cá, vamos receber em palco o músico Miguel Araújo, um dos 21 artistas portugueses que, no próximo dia 20, à mesma hora (21h30) atuam em 21 teatros municipais, em concertos solidários a não perder. As receitas revertem para o Fundo de Solidariedade para a Cultura.

A música regressa a 21 teatros municipais de todo o país a 20 de junho e Caminha é um desses locais privilegiados, que vão integrar esse grande Festival. Mas não é por acaso: “Caminha tem uma forte presença no panorama cultural do país e este trabalho acaba por ser reconhecido – se me for permitida a imagem – com esta convocatória à Seleção Nacional. É um orgulho fazer parte deste Festival extraordinário, é uma honra poder ajudar os nossos artistas e todos os profissionais da área da Cultura e é um enorme prazer ter o Miguel Araújo em Caminha no nosso Teatro Valadares”, sublinha o presidente da Câmara, Miguel Alves.

Organizado pelo “Sons Em Trânsito” (SET), o Festival Regresso ao Futuro convidou 21 músicos para atuações que são, em conjunto, uma iniciativa de solidariedade. Para a organização, o “Regresso ao Futuro” reafirma a ligação intrínseca entre os Teatros Municipais e a cultura, assim como “a sua importante contribuição para a circulação artística, agindo como um catalisador de esperança, resiliência e confiança para o público, sempre dentro das regras sanitárias em vigor”.

De salientar que estamos em presença de um grande movimento cultural, mas também perante “um acontecimento solidário que une e mobiliza os Teatros Municipais, os artistas, as equipas técnicas, a organização da Sons em Trânsito e o público numa frente comum que culmina na entrega das receitas de bilheteira ao Fundo de Solidariedade para a Cultura”, organismo criado pela Audiogest (associação que representa produtores musicais) e GDA (Gestão dos Direitos dos Artistas), destinado a todos os profissionais dos setores das artes.

Os bilhetes têm o preço único de 10€ e estão à venda a partir de terça-feira, 9 de junho. Saiba mais sobre este festival no site da organização, em   https://www.sonsemtransito.com/pt/noticias/341/festival-regresso-ao-futuro?fbclid=IwAR3dSuG_fFZrquMfIlPYjEC5IqwVBKBNXEt_yefs79wcnshlQDoUUQuLxGI