“Concurso Escolar 2020/2021” lançado pela CIM Alto Minho

Desafio de construir uma estratégia de desenvolvimento de base territorial, que permita preparar um “futuro desejável” para o Alto Minho no horizonte 2030.
0
130

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), atenta ao cenário de mudança e de evolução acelerada em que se encontra a região e o País, assumiu o desafio de construir uma estratégia de desenvolvimento de base territorial, que permita preparar um “futuro desejável” para o Alto Minho no horizonte 2030.

Hoje, os problemas e as respetivas propostas de solução são demasiado complexos e importantes para que a leitura do presente e a projeção do futuro estejam centradas só na legitimidade dos decisores políticos e técnicos especializados. A participação e a implicação de novos atores e dos cidadãos em geral, na conceção e decisão sobre a definição do problema e proposta da terapêutica, são fatores que determinam, em grande medida, o sucesso e insucesso das políticas públicas.

A importância da educação e da qualificação para o desenvolvimento das regiões são, hoje, consensuais e até inquestionáveis na sociedade portuguesa. Mas, nem sempre se tem conseguido concertar estratégias de cooperação e definir caminhos comuns que sejam reconhecidos pelos principais atores (alunos, professores, famílias, instituições de ensino/aprendizagem, empresas, etc.) como as que melhor servem o desenvolvimento integral e integrado dos jovens e das regiões.

A CIM Alto Minho está assim comprometida em apostar e dinamizar um processo de participação alargada onde a comunidade escolar é chamada a assumir um papel de particular relevância na definição de uma estratégia de futuro para o Alto Minho. Nesse sentido, lança no ano letivo de 2020/2021 a 4ª edição do Concurso Escolar “Criarte + Comunidade Educativa do Alto Minho” sobre a temática “ALTO MINHO 2030 – QUE FUTURO?”, no âmbito do projeto “+REDE”– COORDENAÇÃO, DINAMIZAÇÃO, ACOMPANHAMENTO E MONITORIZAÇÃO TRANSVERSAL do Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar – PIICIE “Alto Minho – Scholl4All”. O objetivo é fomentar nos estudantes, em conjunto com os seus professores e o apoio das famílias, um ambiente favorável ao conhecimento, ao estímulo da descoberta e do aprender, à valorização do espírito criativo e inovador, orientado para a valorização económica dos recursos culturais e criativos da região.

Este concurso tem como destinatários toda a comunidade escolar do Alto Minho, nos seus diversos níveis, do 1.º ciclo ao ensino secundário do ensino regular e profissional, dos estabelecimentos educativos públicos e privados, de forma a reconhecer e distinguir os jovens através da realização de projetos criativos, no âmbito das várias formas de expressão artística: ilustração (pintura ou desenho), contos e vídeo.

O Concurso Escolar 2020/2021 – “ALTO MINHO 2030 – QUE FUTURO?” pretende premiar os três trabalhos considerados mais criativos, em cada uma das seguintes categorias:

1. DESAFIO ILUSTRAÇÃO (desenho ou pintura) “ALTO MINHO 2030 – QUE FUTURO?”: 1º Ciclo do Ensino Básico – Participação individual ou coletiva (turma);

2. DESAFIO CONTOS “ALTO MINHO 2030 – QUE FUTURO?”: 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico – Participação individual ou coletiva (turma);

3. DESAFIO VÍDEO “ALTO MINHO 2030 – QUE FUTURO?”: Ensino Secundário Regular e Profissional – Participação coletiva (grupo de alunos, com o limite máximo de 5 elementos da mesma turma).

O prazo de submissão dos trabalhos apresentados a qualquer uma das categorias do concurso decorre até 24 de março de 2021. A participação em qualquer uma das categorias implica o preenchimento prévio, por parte do professor responsável e/ou do diretor da escola/agrupamento, da seguinte “Manifestação de Interesse”, até ao dia 31 de dezembro de 2020.

Mais informações na página oficial da CIM Alto Minho – clique aqui para aceder