Caminho de Braga a Santiago inaugura marco Km 100 em Berán

0
143

A vila histórica de Berán, na província de Ourense, promove uma iniciativa sócio-cultural no domingo, dia 16, com o objetivo de assinalar o Km100 do Caminho da Geira e dos Arrieiros e a homologação pela Igreja deste itinerário jacobeu que liga Braga a Santiago de Compostela.

O evento decorre na área recreativa do Campo da Capela São Roque (coordenadas – 42.35053, -8.14243) e consiste na inauguração de uma escultura que alude à peregrinação e à comarca de O Ribeiro, da autoria e oferecida por Abdón Fernández, porta-voz da Plataforma Berán no Caminho.

Em simultâneo será presentado o livro intitulado “Berán Histórico – Berán Vila Termal no Caminho de Santiago”,  da autoria de Adolfo Luís Soto, residente na localidade.

O Arcebispado de Santiago de Compostela reconheceu o Caminho da Geira e dos Arrieiros em 28 de março 2019, mas a passagem do segundo aniversário da efeméride não pôde ser assinalada na data certa, porque a organização “pretendia a participação das associações portuguesas e galegas, o que não era possível devido à pandemia e ao encerramento das fronteiras”, explica Abdón Fernández, presidente da associação fundadora do projeto (AJCMR) e porta-voz da Plataforma Berán no Caminho, com sede no município de Leiró.

“O objetivo do encontro é reafirmar a presença de Berán no caminho, como um lugar de referência já que está a 100 km de Santiago, a distância mínima a percorrer a pé para obter a Compostela”, explica o porta-voz, considerando que “estar no mapa do Caminho é mais um impulso sócio económico para as populações da região”.

“Convidamos a estar presentes todos aqueles que queiram passar o dia na terra onde nasceu este projeto aproveitando para conhecer o património, cultura, história e provar a gastronomia da região”, adianta.

A Plataforma Berán no Caminho está, entretanto, a planear um encontro de peregrinos para julho, mês do Apostolo Santiago, que incluirá diversas atividades a anunciar oportunamente.

O Caminho da Geira e dos Arrieiros foi apresentado em 2017 em Ribadavia (Galiza) e Braga, reconhecido pela Igreja em 2019, reconhecido pela associação de municípios transfronteiriços Eixo Atlântico em 2020 e é um itinerário oficial da Peregrinação Europeia de Jovens do Ano Santo Jacobeu 2021/22.

Este percurso destaca-se por incluir patrimónios únicos no mundo: a Geira Romana e a Reserva da Biosfera do Gerês/Xurés. Além disso, o seu traçado é um dos escassos cinco que ligam diretamente à Catedral de Santiago de Compostela.